Durante o mês de fevereiro foram anunciados três novos nomes para coordenação de departamentos do Movimento Tradicionalista Gaúcho. Fabiano Vencato assumiu o Departamento de Eventos; Luis Afonso Ovalhe Torres assumiu o Departamento de Danças Tradicionais e Sayonara de Avila Daniel assumiu o Departamento de Formação Tradicionalista.

Departamento de Eventos

O tradicionalista Fabiano Vencato assumiu a Diretoria de Eventos do Movimento Tradicionalista Gaúcho. O setor é responsável pela promoção dos eventos oficiais da instituição, como Fecars – Festa Campeira do Rio Grande do Sul, Entrevero de Peões, Ciranda de Prendas, Acendimento da Chama Crioula, Acampamento Farroupilha de Porto Alegre, Fegadan – Festival de Danças Gaúchas e Enart – Encontro de Artes e Tradição do Rio Grande do Sul.

Vencato, que também é coordenador da 12ª Região Tradicionalista, participa do tradicionalismo gaúcho desde 1992. Em sua trajetória, acumula experiência como Diretor do Departamento Jovem da RT, Diretor Cultural da RT, Peão Farroupilha da RT, Diretor Artístico da RT, avaliador de diversos concursos regionais, e patrão do CPCG Gerciliano Alves de Oliveira. Vencato também é autor do tema dos Festejos Farroupilhas de 2015: “O campeirismo gaúcho e sua importância cultural e social”.

Para 2019, Vencato pretende trabalhar fortemente na padronização dos eventos, fazendo com que as dificuldades e problemas sejam sanados antes da realização. Algumas atividades pontuais serão o auxílio às Regiões Tradicionalistas na estruturação de seus eventos e auxílio às vice-presidências do MTG.

“Pretendo desenvolver um trabalho colaborativo. Queremos aumentar o número de voluntários nos eventos do MTG, qualificar equipe, e estruturar a Diretoria, proporcionando que os trabalhos sejam realizados com antecedência e a colaboração de todos”, afirma.

Departamento de Danças Tradicionais

Luis Afonso Ovalhe Torres é natural de Porto Alegre e iniciou no tradicionalismo aos sete anos de idade, dançando e declamando. Amante da arte de interpretar, diz trazer consigo a seriedade e a disciplina como ponto fundamental para alcançar êxito em qualquer manifestação artística, desenvolvida ao longo de 30 anos dedicados ao Movimento Tradicionalista Gaúcho.

Em sua trajetória, participou de inúmeros festivais de dança e poesia, uma união que, na sua opinião, foi fundamental para novas descobertas e desafios que o levaram a desenvolver trabalhos ligados à dança em diversos Centros de Tradições Gaúchas pelo estado e fora dele, valorizando a cultura gaúcha.

Ovalhe Torres também atuou como avaliador em diversas ocasiões e eventos do MTG e por último ocupou o cargo de Diretor das Manifestações Individuais e espontâneas do MTG Gestão 2017/2018.

Tem como filosofia de trabalho manter a ética, o respeito e a união, através de uma equipe bem preparada, pois, garante, é de fundamental importância esse elo de confiança entre todos, para que se possa desenvolver um trabalho sério e com qualidade.

Como meta, para o decorrer do ano de 2019, tem atender as necessidades, administrando, orientando e conduzindo os trabalhos de avaliação com transparência e respeito junto aos envolvidos da arte de dançar e bailar, preservando a essência e identidade regional, conforme os estudos desenvolvidos pelos pesquisadores.

Departamento de Formação Tradicionalista

A trajetória tradicionalista de Sayonara iniciou no Piquete Sinuelo dos Pampas, em Balneário Cassino, na 6ª RT, como diretora cultural, responsável em agregar jovens para formar um prendado e levando crianças para concurso. Em 2011 integrou-se à patronagem do CTG Guapos da Querência, sendo em 2016 eleita para o cargo de patroa, que exerce até hoje.

Como meta para 2019 Sayonara tem levar o conhecimento da cultura e o tradicionalismo a todos os cantos do Rio Grande, desmistificando e aproximando o Movimento das pessoas e usando a tecnologia a favor do conhecimento. Um de seus objetivos é formar multiplicadores e oportunizar o acesso menos dispendioso à cultura gaúcha.

Departamento de Música

O tradicionalista Willian Varela é o novo diretor do Departamento de Música do Movimento Tradicionalista Gaúcho, Gestão 2019.

À frente do departamento de música, pretende aproximar as diferentes linguagens musicais que formam o regionalismo gaúcho, tendo como desafio trazer para o tradicionalismo algumas estéticas que foram ignoradas ao longo da história do Movimento. “Quero aproximar o nativismo do tradicionalismo e facilitar a comunicação entre os artistas, uma vez que, esses “dois mundos” produzem e consomem arte um do outro, por isso precisamos andar abraçados”.

Para 2019, segundo Varela, a meta é despertar o gosto e a apreciação de crianças e jovens para a cultura e música gaúchas e, para isso, os concursos individuais serão prioritários no trabalho da equipe.

Por Sandra Veroneze

Deixe uma resposta

Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: