Eco da Tradição desenvolve websérie sobre as Regiões Tradicionalistas


O jornal Eco da Tradição, desde a edição de janeiro de 2018, vem fazendo entrevistas com os coordenadores regionais. Na pauta, os principais desafios enfrentados como gestores, uma breve análise de como se chegou a este contexto, e quais as estratégias que o grupo adotou para fazer frente a estes desafios.
Todo esse conteúdo, agora, será transformado em websérie, com publicações diárias no site do Eco da Tradição e nas fanpages do jornal e do Movimento Tradicionalista Gaúcho no Facebook, dando destaque a cada uma das Regiões. A ordem de publicação segue a do jornal.
O Rio Grande do Sul conta com aproximadamente 1.700 entidades tradicionalistas, entre CTGs, DTGs, grupos folclóricos e outras nomenclaturas, definidas de acordo com a essência dos propósitos e atividades de cada uma. Para melhor atendê-las, as coordenadorias regionais são fundamentais, constituindo braços operacionais do Movimento Tradicionalista Gaúcho.

As postagens iniciam no dia 26 de abril.