Oficina desafia: transforme sua casa em câmera fotográfica

“Transforme sua casa em uma câmera fotográfica” é a oficina que Bruno Schmidt Alencastro, de Canoas, oferece pelo Programa Invernadas Culturais.
Baseada em uma técnica simples, a oficina é didática, lúdica e democrática.
O pode ser desenvolvido com restos de caixas de papelão e outros materiais reciclados e não é necessário equipamento fotográfico profissional. A foto pode ser desenvolvida apenas com um telefone celular com câmera, afirma o oficineiro.
Do ponto de vista técnico, a oficina apresenta um capítulo importante da história: a experiência da câmera obscura (e a formação da imagem por meio da luz), que é a base para a invenção da fotografia – que anos mais tarde é aprimorada a partir da experiência que esses artistas tiveram com esse dispositivo ótico.
Do ponto de vista teórico, faz as pessoas refletirem sobre o resultado dessa representação visual e o que ela pode comunicar sobre o tempo que estamos vivendo: o que essa projeção que vem lá do lado de fora nos revela sobre nós mesmo?, qual o simbolismo desse mundo de cabeça para baixo?, qual o sentido do espaço onde vivo e o que me cerca?

A oficina pode ser acessada no link https://www.youtube.com/watch?v=EBMzzZqrjCU&feature=youtu.be

O Programa Invernadas Culturais é desenvolvido pela Fundação Cultural Gaúcha em parceria com a Secretaria Estadual de Cultura.